Publicidade

Filme: Twice born


02/ago/2017 | Anielle Casagrande | # # # # # | Comente!

Hoje quero indicar um filme que vi na Netflix (e infelizmente saiu do catálogo recentemente) faz alguns meses e me deixou muito tempo pensando, fissurada! Não vou dar spoiler e contar mais que devia, juro. smile

Costumo dizer que Alabama Monroe perdeu o posto de meu filme favorito desde que assisti Twice born. O nome do filme no Brasil é Prova de Redenção, mas gosto muito mais do nome original, que quer dizer “nascido duas vezes”.

Preciso avisar logo de cara que esse não é um filme leve. É um filme delicado, como Alabama Mondoe, também tratando de questões familiares, mas dessa vez tem a guerra da Bósnia e muitas intrigas do passado evolvidas. Ou seja, é um pouco pesado, mas não impede que seja lindo, do tipo que você quer ver e rever e sair indicando para todo mundo.

O filme aborda o retorno de Gemma a Sarajevo com seu filho adolescente. Lá, ela começa a relembrar os horrores vividos durante a guerra, o relacionamento com o pai dele, e a forma como o menino nasceu. Este tambem não é um filme fácil, o que não impede que mexa com você e te faça chorar muitas vezes enquanto assiste.

Lindo, lindo de morrer, lindo demais. Essa é minha definição. Este filme é simplesmente maravilhoso. Não canso de rever e até me assombro com a forma como ele mexe comigo. Talvez devido à guerra no pano de fundo? Talvez devido ao passado dos personagens? Talvez devido tudo que eles passaram e agora precisam aceitar?

A parte que mais mexeu comigo nesse filme é sobre a aceitação e compreedimento do que significa uma guerra, principalmente quando vemos que o menino, que nunca passou por uma, precisa lidar com o passado de seus pais. Nós não temos noção do que é viver em um país em guerra, e muitas vezes esquecemos que apesar dela, as pessoas continuam vivendo, se apaixonado e tendo filhos. Mesmo que anos depois eles não entendam o que isso significou, é um fardo que deve ser encarado e compreedindo, para poder entender a própria história e de sua família.

Apenas veja esse trailer e entenda como é lindo e poderoso esse filme.

Países: Itália e Espanha
Duração: 2h07
Gênero: guerra, drama, romance
Ano: 2012
Roteiro e direção: Sergio Catellito
Atores: Penelope Cruz, Emile Hirsch, Saadet Aksoy …

# # # # #

Novidades por e-mail

Receba textos novos por e-mail


Publicidade
^
subir
anicasagrande.com.br